BLOG

O amor está no ar e, literalmente, invadiu nosso ambiente de trabalho


Have Heart Inbound Soul


O clima de romance invadiu nossas timelines neste dia 12 de junho. Com flores e declarações, fomos tomados por uma deliciosa onda de amor - ah, o amor!

E que maravilha dizer que o amor está no ar!  Mas não apenas nas timelines ou nos beijos dos enamorados. O amor está no ar também nas rotinas profissionais e a cada dia vivemos mais intensamente a grata oportunidade de exercer nossa profissão ao mesmo tempo que aquecemos nossos corações.

Diz no dicionário:

AMOR: sentimento de carinho e demonstração de afeto. A suprema felicidade da vida. A força mais sutil do mundo.

Vou começar pelo maior dos amores: o AMOR PRÓPRIO. É ele que deve ser nosso maior combustível. É através da maneira como você se ama que o outro irá te enxergar. O modo como cuida de si mesmo, como reage aos desafios da vida, como demonstra estima por si mesmo. E quem tem amor próprio pode ver o melhor no outro, pode reconhecer o melhor no coleguinha do lado, no cliente, no parceiro de trabalho e no líder, por que não!?

Pessoas felizes fazem empresas felizes e vice-versa. E acredite, isso gera resultado de negócios, exatamente porque como seres humanos, exercemos nosso melhor na prosperidade, e não na adversidade. 

Pense: você tem dedicado tempo para SE fazer feliz?

O autoconhecimento é muito importante, e uma grande manifestação de amor próprio. Só através de muita auto-observação conseguimos validar o que para nós é aceitável, quais os nossos limites, o que nos faz bem e nos deixa felizes.

Eu tenho uma teoria. Quando tudo ao meu redor não vai bem, é porque eu mesma não ando bem. Então, eu paro as engrenagens, reorganizo as prioridades, me reconecto e as coisas passam a fluir melhor.

E o amor nos torna deliciosamente vulneráveis. De acordo com Brené Brown, autora norte-americana de alguns bestsellers no mundo, a vulnerabilidade gera empatia.

As relações de amizade e afeto são laços importantíssimos em cada fase da vida. As conexões que estabelecemos vão construindo aos poucos a pessoa que somos. Não há como sair ileso desses encontros da vida…

Eles sempre são inspiração: alguns encontros nos fazem mais felizes, outros nos fazem mais fortes; uns nos trazem calma, outros têm o dom de nos fazer rir; há também os que nos ensinam a lidar com frustrações.


Agora, não menos importante, vamos falar sobre o AMOR AO TRABALHO. A respeito de viver por um propósito e aproveitar o tempo de nossa maior dedicação para fazer valer a pena, para nos trazer orgulho. Independentemente do que fazemos, já pensou nas vibrações que você emana no ambiente onde está inserido? 

Qual a sua motivação para acordar cedo - ou tarde - e produzir seja fisicamente ou intelectualmente?

Se não gosta do que faz - infelizmente pode acontecer - enquanto busca outras oportunidades, tente não reclamar do seu ofício atual. É ele quem te dá a chance de seguir em prosperidade. Assim, os caminhos começam a se abrir… Porque é assim que funciona. Na física quântica, são chamados de Princípios da Complementaridade.

Vivemos um momento incrível atualmente. Quem somos muitas vezes importa mais quando vamos passar por contratações. As novas empresas entendem a diferença entre “hard skills” - habilidades técnicas que podem ser aprendidas - e “soft skills” - aquelas que afetam diretamente os relacionamentos no ambiente de trabalho e que podem, inclusive, afetar a produtividade.

Com muito carinho compartilho alguns dos pilares que sustentam nossa empresa, e logo aviso, eles estão pautados no amor.

Sobre nossos valores, priorizamos:

  • o respeito
  • a empatia
  • a gentileza
  • a transparência
  • a gratidão

Sobre as características que admiramos em nossos colaboradores e amigos de jornada de trabalho, destacamos:

  • a intuição
  • a imaginação
  • a afetividade
  • a criatividade
  • a responsabilidade
  • o comprometimento
  • ownership

Na Inbound Soul, tudo isso é levado a sério. Nenhuma das contratações se baseou apenas na bagagem profissional de cada um mas, sim, no quão harmônico pode ser um time para elevar a entrega aos clientes e a produtividade.

E não somos diferentes quando tratamos dos clientes que escolhemos trabalhar: gestores com desafios complexos capazes de romper barreiras, aprender e tomar decisões pautadas em informações. Somos grandes fãs e admiradores deles. Por aqui, todos acabam invariavelmente virando um caso de amor (até mesmo nossos clientes que atuam com B2B “raiz”)!

Na HubSpot, software que representamos no Brasil, fala-se muito sobre o perfil de pessoas que contratam. “We want people with HEART”, um acrônimo para Humble, Effective, Adaptable, Remarkable e Transparent. Em português, pessoas humildes, eficazes, adaptáveis, notáveis e transparentes. 

Tudo isso nos remete à grande pulsação que deu início ao nosso projeto: empresas têm alma?

Sim, sim, sim!

Afinal, não foi à toa que escolhemos esse nome para nossa empresa. Não poderíamos ter criatividade para buscar soluções para equações tão difíceis se não acreditássemos que as empresas que atendemos têm um grande propósito, e uma razão muito boa para pulsar e propagar sua missão.

Empresas com alma podem ser sinceras e transparentes. Elas promovem mais oportunidades para atravessarem momentos difíceis. E também diversidade, amizade e ganham aliados em vez de funcionários. Empresas com alma, promovem o amor.

Ah, o amor!! (mais uma vez)

Quando falamos em Inbound e HubSpot, é impossível dissociar o encontro de alma e de propósito entre Humanos e Tecnologia, respectivamente. Nossa missão como parceiro deles no Brasil é empoderar gestores através de uma estratégia robusta para geração de dados relevantes que irão aprimorar o senso de julgamento e, como resultado, melhorar a tomada de decisão de marketing, vendas e serviços.

E onde entra toda essa história de amor nesse contexto? Estamos extraindo dados de interações humanas. Nosso novo jeito de pesquisar, decidir e comprar está sendo monitorado para que a gente possa ter uma excelente experiência. Isso só vai ser possível quando internalizarmos que do outro lado da tela estamos falando com outro humano. 

"To do inbound, you have to be inbound"
Dan Tyre - diretor no HubSpot e um dos principais entusiastas da metodologia inbound

 

New Call-to-action

 

Cris Assis

Especialista em inbound marketing & sales, visualiza e operacionaliza soluções para o desenvolvimento de projetos com foco em crescimento e sucesso de negócios.